top of page
Buscar
  • Foto do escritorVA comunicacao

MDA é retomado com desafio de erradicar a fome e dialogar com movimentos populares




A tarde desta terça-feira (3) demarcou a retomada do Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA), pasta que será responsável pelo atendimento dos setores produtivos vinculados à produção de alimento executada pelos povos do campo, das florestas e das águas. Paulo Teixeira (PT-SP), deputado federal reeleito para o quinto mandato, foi o escolhido para comandar o ministério que havia sido extinto no governo anterior. A pauta prioritária será a produção de alimentos e a vinculação do potencial produtivo dos pequenos agricultores para a erradicação da fome.


A cerimônia de posse teve forte protagonismo dos movimentos populares do campo que, de forma unitária, tiveram direito a fala na cerimônia, representados pelo dirigente da Via Campesina Frei Sérgio Görgen. Ele destacou “a força e o tamanho do desafio que nós temos de buscar a superação da fome nesse país e da pobreza no campo”. Görgen apontou ainda que chagas históricas – como o genocídio indígena e a escravidão – continuam abertas e somente poderão ser resolvidas com a superação da concentração da terra.


“Os desafios são do tamanho do Brasil, mas nós também somos do tamanho do Brasil”, afirmou o dirigente camponês. Falando diretamente ao novo ministro Paulo Teixeira, Görgen destacou a participação dos movimentos na reconstrução do país. “Temos que ter clareza que a alimentação do povo virá das mãos camponesas, das mãos da agricultura familiar. É este o foco do trabalho deste ministério e nós dos movimentos populares e sindicais do campo, vamos estar contigo, nem sempre te abraçando, mas muitas vezes cobrando, como amigos incômodos.”


1 visualização0 comentário

Comentarii


bottom of page